Imagem: Reprodução Web
Imagem: Reprodução Web

Finalmente consegui assistir Cinderella!! Com esse filme você até passar a acreditar em mágica!

No começo eu fiquei pensando que, na verdade, tudo foi culpa da mãe dela que falou para ela ser sempre corajosa e gentil. Será que ela não sabe que bomzinho só se ferra?!

Aí quando ela perde a coragem e para de acreditar a fada madrinha aparece!! Cara! Que lindo!! Será que se eu parar de acreditar também, ela aparece pra mim?

Mas, no final, a última frase me fez acreditar que valeu a pena ter assistido esse filme lindo! “Cinderella continuou a ver o mundo não como ele é, mas como ele poderia ser com coragem, gentileza e um pouquinho de mágica.”

Só mais uma observação: o Brasil gosta de estragar as coisas mesmo né?! Por que aqui o filme chama “Cinderela” com um “L” só, já que o nome dela é Ella??

I believe em magic!

Sinopse: Após a trágica e inesperada morte do seu pai, Ella (Lily James) fica à mercê da sua terrível madrasta, Lady Tremaine (Cate Blanchett), e suas filhas Anastasia e Drisella. A jovem ganha o apelido de Cinderela e é obrigada a trabalhar como empregada na sua própria casa, mas continua otimista com a vida. Passeando na floresta, ela se encanta por um corajoso estranho (Richard Madden), sem desconfiar que ele é o príncipe do castelo. Cinderela recebe um convite para o grande baile e acredita que pode voltar a encontrar sua alma gêmea, mas seus planos vão por água abaixo quando a madrasta má rasga seu vestido. Agora, será preciso uma fada madrinha (Helena Bonham Carter) para mudar o seu destino… (Sinopse Adoro Cinema)

Anúncios